Escalação do Inter: Coudet avalia mudanças na lateral e no ataque contra o Ceará

Créditos: Ricardo Duarte
Créditos: Ricardo Duarte

Em busca da retomada das vitórias após dois empates, Eduardo Coudet aposta na manutenção da base do Inter para superar o Ceará na noite desta quinta-feira no Beira-Rio. O treinador tem duas dúvidas na formação: as manutenções de Uendel D’Alessandro entre os titulares.

Uendel foi titular no empate com o Bahia no último domingo e pode ganhar mais uma chance para ter ritmo de olho na Libertadores. Moisés estava impedido de atuar por uma questão contratual, mas também tem pela frente uma suspensão de quatro partidas na Libertadores.

No ataque, Thiago Galhardo, claro, é indiscutível. O camisa 17 é o goleador do Brasileirão com seis gols, além de ter contribuído com três assistências. Resta a expectativa se D’Alessandro seguirá a seu lado – Marcos Guilherme e João Peglow são as outras alternativas.

Johnny, que deixou o campo com dores na coxa direita diante do Bahia, não teve um problema mais grave. Foi apenas cansaço e deve seguir à frente da zaga formada por Zé Gabriel e Víctor Cuesta.

O reforço Leandro Fernández fica à disposição no banco de reservas após ser regularizado. Ao lado do argentino como alternativa estará Abel Hernández. O uruguaio estreou no empate em 2 a 2 com o Bahia e salvou o Inter da derrota, ao tirar uma bola em cima da linha.

Inter e Ceará se enfrentam às 19h desta quinta-feira, no Beira-Rio, pela nona rodada do Brasileirão. O Colorado é líder, com 17 pontos, enquanto o Vozão está em 10º, com 10.